Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Feliz 2012!

por Holden, em 31.12.11
       Que Deus possa realizar todos os planos e sonhos arquitetados com amor, gratidão e fraternidade. Não adianta conquistarmos o mundo, mas olharmos para o lado, para o outro e para trás e vermos as pessoas sofrerem, nossas crianças crescerem sem esperança. O amor acima de tudo, este sim move montanhas, corações e o futuro. 


Não adianta pensarmos em ganhar e ganhar cada vez mais, se o que é nosso ganho não servir para fazermos um mundo melhor.


Feliz 2012 para todos nós!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:52


 Fazamos informar à opinião pública Imperatrizense,  que não  existe nada de errado
no valor do CACHÊ cobrado pela Banda TRIBO DE JAH, para realizar o show hoje a noite,
dia 31 de dezenbro, na virada do ano, na cidade de IMPERATRIZ.

    O CACHÊ inicialmente cobrado pela Banda, era no valor de R$ 50.000.00 (cincuenta mil
reais), que por insistência nas negiciações feitas pelo Sr LUCENA com a produção da Tribo,
este insistiu em um desconto do Cachê e ofereceu, R$ 40.000.00  (quarenta mil reais), por
tando abaixo R$ 10.000.00 (dez mil reais) do valor que estavamos cobrando.  Consi
deramos um mérito, do negociador da Prefeitura, no caso o Sr. Lucena, assessorado pelo
jornalista Elson Araújo, que também me ligou insistindo para que aceitassemos a proposta
no valor de R$ 40.000.00 (quarenta mil reais).

     Sem consultar o lider da banda Tribo de Jah, Fauzi Baydeoun, bati o martelo e fechei o 
contrato com a Prefeitura de Imperatriz, pelo cachê proposto pelos representantes da Pre
feitura de Imperatriz, os Srs Lucena e Elson Araújo, tendo sido questionado pelo próprio
Fauzi, por ter eu dado um desconto alto, para  o Show em uma data especial que é o Revellion.

     Todos so artístas e bandas, cobram cachês dobrado, no dia 31 de Dezembro, o que é uma
regra de mercado, que não foi inventada, pela banda Tribo de Jah. O  que não está focado com
esta realidade, passam a ser especulações maldosas de terceiros, que por não conhecerem a
realidade do mercado musical, devem está fazendo politica rasteira, com o bom nome qiue a 
TRIBO DE JAH tem hoje no mundo inteiro, inclusive ajudado pela cidade de Imperatriz, que sem
pre acolheu bem a banda, desde o seu início de carreira.

      E para fechar, o cachê oficial da Banda TRIBO DE JAH, fora a data de REVELLION é de 
R$ 25.000.00 (vinte e cinco mil reais).

      Frazão Oliveira, produtor executivo e empresário da Tribo, no Estado do Maranhão.
      e-mail: frazãooliveira@hotmail.com / celular: 98-8155-7078 / 98-9906-5627.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:44


As imagens dizem tudo. A posse de Barbalho foi um deboche muito bem demonstrado pelo filho do novo senador

A posse do senador Jader Barbalho (PMDB-PA) antecipada de fevereiro para o dia de ontem, em pleno recesso do Senado, pode ser considerada como uma verdadeira 'ação entre amigos' patrocinada pelo presidente da Casa, José Sarney (PMDB-AP), pois proporcionará ao novo semador peemedebista elevados ganhos de subsídios e outras vantagens (mordomias, verba de gabinte, verba indenizatória e outras), tudo pago com dinheiro público. Com a medida que tomou, marcando a posse para ontem, Sarney debocha do povo, pois tudo será pago a Jader Barbalho com dinheiro público, de modo desnecessário, por mais que ele tenha direito à posse por força de decisão do Supremo Tribunal Federal (STF). Mas essa foi demais, Sarney.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:23


Aniversariante do Dia, o prefeito Sebastião Madeira.
Parabéns ao doutor Tião, que Deus continue te abençoando e te dando forças para continuar diminuindo esse atraso de infra-estrutura que existe em nossa cidade.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:51


Antonio Pinheiro Silva ?Holden Arruda pq isto agora, ja li depoimentos seus endereçado a Edmilson Sanches onde vc afirmava ser leitor e admirador do mesmo inclusive ainda este ano dizia que votaria em Sanches para Prefeito em 2012, mais tudo bem, eu sei pq vc mudou. kkkkk 

Holden Arruda Antonio Pinheiro Silva sou filiado ao psdb a mais de 10 anos, sei que as melhorias do nosso pais vieram dessas mentes quando propuseram leis modernas e visionárias como a de responsabilidade fiscal, onde politicos eram presos por desvios, quanto ao Edmilson Sanches em nem um momento citei seu nome, mas sim de opções jornalisticas como vc sabe, nem um da categoria honrou ainda o voto, fazem apenas papeis de marketing como o povo gosta, eles vendem isso (IMAGEM), compra quem quer, mas já que citou o Sanches, quero lhe dizer que não voto mais nele simplesmente porque foi para o PC do B e se fosse para o PT também não votaria, mas gostaria de entender já que vocês são tão fieis a suas causas, qual motivo levaria alguem sair de um partido como o PSDB e ir para o sem causa como o PC do B. Cara alguns vem para a politica desfrutar dos seus prazeres ($), acredito não ser a causa de Sanches, mas se não por isso, o ideologico deve ser observado. Qual motivo alguém teria para uma mudança tão radical? Não tenho nada contra as pessoas, mas contra o fascismo ideologico que este partido representa. Viva Kin Youg comunistas! Dá pra entender?

Bate-papo no facebook

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:21

A edição da revista Veja, desta semana, aponta o presidente do PSDB do Maranhão, o deputado federal Carlos Brandão, como o vigésimo oitavo parlamentar mais influente entre os 513 eleitos na Câmara dos Deputados. O estudo foi encomendado ao Núcleo de Estudos do Rio de Janeiro, que avaliou os parlamentares com base no ativismo legislativo em favor dos estados e o interesse do país.
A pesquisa estabeleceu como critério a participação e discussões em plenário, assim como o posicionamento dos deputados em relação a questões consideradas vitais em tramitação nas duas casas legislativas. Pela avaliação, o deputado Brandão recebeu a menção 6,6 mesmo estando licenciado do exercício do mandato para dedicar-se ao partido no estado.
jornal pequeno

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:14

Câncer, o mal do século.

por Holden, em 27.12.11
Tem causado muita ansiedade em toda a sociedade. São muitos os comentários de pessoas que tem descoberto tumores cancerígenos, seja ele maligno ou não.

Dois empresários bem conhecidos na sociedade e outros tantos anônimos, tem lutado contra o mal.  Esta grave doença tende a atormentar ainda muita gente, apesar de termos grandes sistemas para detectar a doença no principio, ainda somos surpreendidos por alguns fatos, ou até perda de pessoas queridas.

Um ex-deputado foi internado no Hospital São Rafael para retirada de um tumor.  Um homem de boa saúde, de bons relacionamentos e que sempre se preocupou em fazer check-up.

Um outro caso, o jovem Gibran, bem conhecido no meio da juventude faleceu a semana passada em Araguaina, onde já algum tempo tratava de um câncer.

São as coisas do destino, onde jovem ou adultos podem ser pegos de surpresa, pelo mal do século.



Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:11

Avenida Beira Rio-Porto Franco


Localizado na região Sul do estado do Maranhão na divisa com o estado do Tocantins, Porto Franco está há 720 quilômetros da Capital São Luis. O município tem 21.290 habitantes segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística-IBGE, (esse numero pode ser maior), é cortado pela Rodovia Belém-Brasília e Ferrovia Norte Sul, banhado pelo Rio Tocantins, Porto Franco foi emancipado politicamente no dia 1º de janeiro de 1920.

A história de Porto Franco se confunde com seu povo e os avanços obtidos nas duas últimas décadas. Reconhecida nacionalmente por meio da mídia e por aqueles que a vistam todo ano em períodos festivos, é considerada uma cidade em pleno desenvolvimento econômico e político.

Recentemente revista do Grupo Abril “Exame” edição de dezembro de 2011, dedicou páginas inteiras para destacar Porto Franco como uma cidade onde suas riquezas são divididas com o povo. Por está dentro da região mais desenvolvida do estado, a Sul Maranhense, foi chamada de “Um Lugar no Meio do Caminho”, referência que rendeu espaço nas páginas 86 e 87 da revista que circulou em todo o país na segunda quinzena de dezembro.

Canto da praça-Porto Franco

Administrada pelo prefeito Deoclides Macedo-PDT por três vezes: 1992/1996, 2005/2008 e 2009/2012. Nesse período o município atraiu investimentos públicos e privados, fazendo com que a vida das pessoas melhorasse. A criação do Distrito Agro Industrial de Porto Franco serviu para que empresas de outros estados se instalassem no município, fazendo aumentar a geração de emprego e renda na região.
No setor público os avanços vão desde à educação com construção de Escola de Tempo Integral; construção de Pólo Universitário; criação de programas educacionais que visam melhorar a qualidade do ensino público municipal; construção do Complexo Esportivo, adequação do estádio municipal com construção de arquibancada, iluminação e gramado, reforma do ginásio poli esportivo e à construção de quadras de esporte, construção do Centro de Conivência da Terceira Idade, construção de mais de 500 casas populares; programas sociais que atendem à população carente do município, atenção ao trabalhador com cursos de capacitação e inserção no mercado de trabalho; implantação de serviços de saúde de boa qualidade no Hospital e Maternidade Aderson Marinho e nas Unidades Básicas de Saúde, instalação do Centro de Especialidades Odontológicas-CEO, implantação do Serviço Móvel de Urgência-SAMU, construção de postos de Saúde nos bairros e na zona rural; construção e melhoramento das estradas vicinais de todo o município, apoio ao homem do campo; Organização de grandes eventos públicos como reveilon, carnaval, festas juninas e a exposição agropecuária; melhoramento, construção e manutenção do serviço de abastecimento de água potável; pavimentação, recuperação e manutenção das ruas da cidade e dos bairros; construção do trevo do entroncamento entre outras ações que fazem do governo municipal, um verdadeiro campeão que já venceu por duas consecutivas o prêmio de prefeito Empreendedor do estado do Maranhão, concorrendo pela terceira vez esse ano com chances de está mais uma vez concorrendo o prêmio concedido por uma das mais respeitadas instituições, o SEBRAE.

Para comemorar mais um aniversário da cidade de Porto Franco, o prefeito Deoclides Macedo determinou que fossem desenvolvidas diversas atividades ao longo do mês de dezembro. No dia 5 o SAMU realizou simulação de resgate na Praça Gonçalves Dias na presença do público presente; na mesma data a Coordenação do DST/AIDS, promoveu o encerramento da Campanha do Laço Vermelho no Hospital Municipal e Maternidade Aderson Marinho; no dia 9 no Centro de Especialidades Odontológicas-CEO foi feita a entrega de próteses dentárias à população; dia 11, abertura da Vila de Natal na Praça Anísio Bandeira; dia 14, aconteceu reunião com servidores das equipes do Programa Saúde da Família-PSF, e Agentes Comunitários de Saúde - ACS para confraternização com a categoria; dia 16, confraternização dos servidores da prefeitura de Porto Franco no Clube Ingarana; 17 e 18, aconteceram no Estádio Panelão e campo de Futebol do Coité, jogos das semi-finais dos Campeonatos Municipal e Rural de Porto Franco; dia 22 final do Campeonatos Municipal no Estádio Panelão entre Operário e CFK; dia 23 Solenidade de Entrega de Cestas Básicas de Alimentos da Campanha Natal Solidário que atendeu 1300 pessoas da zona urbana e 300 na zona rural; dia 24 final do Campeonato Rural em Coité entre São Miguel e
Real; dia 27 inauguração do Centro de Convivência da Terceira Idade no entroncamento; dia 31 reveilon na Praça Gonçalves Dias e comemoração dos 92 anos de emancipação política de Porto Franco na hora da virada.

Ascom P.M. Porto Franco

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:38


Professores da rede municipal de ensino que estão cursando especialização pela Universidade Estadual do Maranhão participaram esta semana da solenidade de encerramento das atividades referentes ao primeiro período. 

O curso de especialização e autoria tem carga horária de 720 horas e faz parte das ações do projeto aprender bem, desenvolvido pela secretaria municipal de educação de Porto Franco em parceria com a UEMA. Nessa etapa, 129 profissionais da educação infantil de escolas das zonas urbana e rural estão sendo atendidos. As aulas tiveram inicio em agosto de 2011, o curso tem previsão de terminar em dezembro do ano que vem 2012.

De acordo com a Secretária de Educação professora Marilene Queiroz, a metodologia do curso é diferenciada, onde todos os professores/alunos trabalham a elaboração e a autoria própria, com produção de textos, possibilitando ao educar quando em sala de aula, repassar isso para o aluno dele. Tornando uma aprendizagem mais significativa para a educação do município e isso engrandece o professor profissionalmente e proporciona boa aprendizagem aos alunos que é o objetivo principal.

Ao termino deste curso, os professores que antes tinham apenas graduação em pedagogia, terão titulação em pós-graduação com reconhecimento pela Universidade Estadual do Maranhão. Para a professora Maria Cristiane Miranda, Coordenadora de Pesquisa e Pós-Graduação da UEMA destacou os resultados já obtidos pelo curso durante seminários realizados com a participação dos alunos de Porto Franco. Ela também destacou a importância dessa iniciativa da prefeitura que se dispôs em arcar com todas as despesas do curso com objetivo de graduar os professores, principalmente aqueles que já estão em sala de aula.

O prefeito Deoclides Macedo participou da solenidade de encerramento do primeiro período falou com os professores do curso, e ouviu do Pró-Reitor de Pesquisa e Pós-Graduação da UEMA, professor Porfírio Guerra que não seria possível está em Porto Franco ministrando este curso se não fosse pela iniciativa da prefeitura que elaborou todo o projeto, enviou à universidade e teve aprovação para que o mesmo fosse ministrado e coordenado pelo Centro de Estudos Universitários da UEMA de Imperatriz que vai ao final do curso reconhecer com diploma a titulação desses professores.

Durante sua fala, o prefeito Deoclides Macedo aproveitou para dizer que é importante oportunizar o acesso ao ensino para pessoas, mesmo quando a prefeitura tenha de assumir uma função que não é sua, com o objetivo de ter em seus quadros educacionais, profissionais altamente qualificados, visando melhorar a qualidade do ensino oferecido pelas escolas da rede municipal.

secom

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:40



Produtos comprados pela Prefeitura de Buritirana

Com o sucesso das matérias, alguns políticos já se sentiram desprestigiados por ainda não terem sido citados no WikiLeaks ITZ, como é o caso do atual prefeito de Buritirana-MA, José Wiliam de Almeida, conhecido popularmente  pela alcunha de "Zé do Mundico", autor de várias peripércias  e que está próximo do final do seu 2º e último mandato a frente do Município de Buritirana.

Prefeito Zé do Mundico
Ainda no primeiro mandato, no ano de 2006, a Prefeitura de Buritirana através da Secretaria Municipal de Educação, fez uma compra de material onde alguns itens são de utilização bem duvidosa.

O Portal WikeLeaks teve acesso a documentos que comprovam que dentre os produtos adquiridos pela Prefeitura para serem utilizados na rede municipal de ensino foram incluídos BARBEADOR PROBAKPILHA RAYOVAC e pasmem, MATABICHEIRAum produto larvicida, repelente, cicatrizante e antisséptico, indicado para a eliminação e prevenção de miíases cutâneas (bicheiras) em BOVINOS, SUÍNOS, EQUINOS E OVINOS.



A nota de empenho, também conseguida de forma exclusiva pelo WikiLeaks, classifica a Natureza da Despesa como Material de Consumo, especificando como material de limpeza e produção de higienização, porém na nota fiscal acima é possível visualizar vários produtos alimentícios. Por fim, para dar mais credibilidade à compra, o visto da responsável pela contabilidade, Sra. Maria Alice Coelho de Moraes, presa na operação Rapina IV e que hoje presta serviços à Câmara Municipal de Imperatriz. 


Vale ressaltar que recentemente Zé de Mundico foi condenado pelo Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (acórdãos PL TCE Nº 572,573,574 e 575/2011 publicados no Diário da Justiça no dia 21 de outubro de 2011), a devolver  R$ 3.242.970,47 (três milhões duzentos e quarenta e dois mil e novecentos e setenta reais e quarenta e sete centavos) ao erário.

Ao que parece, mesmo com o fim da gestão de Zé do Mundico, serão necessárias várias caixas de MATABICHEIRA, para curar as BICHEIRAS deixadas por este mau exemplo de político.

Fonte: Wikileaks/Com alteração no texto

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:30

PSDB massacra seu maior nome.

por Holden, em 25.12.11

Para José Serra, a campanha presidencial de 2014 começou na noite de 31 de outubro de 2010, quando, no discurso em que admitiu sua derrota para a presidente Dilma Rousseff, despediu-se dizendo que voltaria em breve. "A luta continua", previu. Talvez não imaginasse que ela se iniciaria imediatamente e se daria sobretudo no front interno de seu partido, o PSDB. Hoje, ele resiste à pressão tucana para se candidatar a prefeito de São Paulo no ano que vem, algo que vê como um golpe contra suas ambições presidenciais. Ele calcula que, se for eleito prefeito, terá dificuldade em deixar o cargo um ano depois, como fez em 2006. Se perder, será o fim de sua carreira, ponderam aliados. 

Com 43,6 milhões de votos no segundo turno de 2010, Serra viu nesse capital o ponto de largada para pleitear nova chance em 2014. Mas foi pego de surpresa pela rapidez com que seu espaço no PSDB se estreitou neste ano. De cara, Geraldo Alckmin, seu sucessor no governo de São Paulo, promoveu um desmonte de áreas estratégicas de sua gestão e ocupou espaços na máquina partidária local, de modo a escanteá-lo. Alckmin recusou pedidos diretos de Serra para manter secretários como Paulo Renato (Educação), morto em junho, e Mauro Ricardo (Fazenda). O governador alojou pessoas de sua confiança nos diretórios do PSDB e forçou vereadores que eram seus desafetos a deixar o partido. 

Após esse primeiro embate, Serra enfrentou o momento mais agudo de crise partidária em maio, quando o presidente do PSDB, Sérgio Guerra (PE), e o senador Aécio Neves, seu oponente na disputa pela candidatura presidencial em 2014, se aliaram para dominar a cúpula do partido. Diante da evidência de que aliados de Aécio seriam colocados nos principais postos da Executiva, Serra pleiteou a presidência do Instituto Teotônio Vilela, mas foi vetado por Aécio e Guerra, que deram a vaga a Tasso Jereissati. A Serra coube a presidência do novo Conselho Político do partido, instância de caráter não deliberativo que fez apenas três reuniões em 2011. 

Isolado, o ex-governador lançou uma estratégia para ter canais próprios para manifestar suas ideias e se comunicar com os filiados tucanos. Lançou um site, estreou uma coluna quinzenal no jornal "O Estado de S. Paulo" e passou a percorrer os Estados de forma autônoma para reuniões partidárias. Paralelamente, os embates com o grupo aecista continuaram e chegaram perto de um rompimento neste fim de ano. Serra tem dito a aliados que vê "digitais mineiras" no lançamento do livro "A Privataria Tucana", do jornalista Amaury Ribeiro Jr., que ataca Serra e seus familiares. 

Diante de tal grau de acirramento, Serra e Aécio têm evitado se encontrar. Estiveram em horários diferentes no Congresso da Juventude do partido em Goiânia, há algumas semanas. Aécio não foi à última reunião da Executiva do PSDB, na qual houve um desagravo a Serra por conta do livro de Ribeiro Jr. Serra critica a forma como a sucessão foi antecipada, com a criação de uma estrutura de comunicação para tornar Aécio mais conhecido. Aliados seus, como o senador Aloysio Nunes Ferreira (SP), protestaram contra a tentativa de isolar Serra -que foi excluído da propaganda partidária em São Paulo e depois enfrentou uma queda de braço pelo conteúdo de seu discurso no programa nacional de TV dos tucanos.

Em 2012, o desafio de Serra será resistir à pressão de Alckmin e de Gilberto Kassab para concorrer a prefeito. Além disso, terá de se articular para quebrar a força aecista na cúpula tucana. "O Serra terá chances caso o Aécio não consiga se firmar, nem dizer a que veio", diz um tucano simpático ao mineiro. "Em 2011 ele se fortaleceu internamente, mas foi nulo no Senado e não se mostrou capaz de liderar a oposição". No QG do senador, o risco de que ele não "decole" é tratado com preocupação. Apesar do lastro que obteve na máquina, Aécio não fez nenhum discurso marcante -mesmo quando anunciou com estardalhaço que o faria-, não lançou uma marca forte -a que tentou, da regulamentação das medidas provisórias, naufragou- e foi tímido nos ataques a Dilma. 

Partidários de Serra acham que a consistência na crítica a Dilma e o recall de duas eleições presidenciais são ativos que podem fazer a balança pender em favor do paulista. Para que isso ocorra, avaliam, ele terá de manter a aliança com o PSD de Kassab e obter o apoio de Alckmin e do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, o que poderia fazer com que o peso de São Paulo novamente fizesse a diferença para o PSDB, como em todas as eleições presidenciais até aqui.(Da Folha de São Paulo, matéria de Vera Magalhães, com o título "Serra no labirinto")
.........................................................................
O Presidente do PSDB, deputado federal Sérgio Guerra (PSDB-PE), teve um desempenho parlamentar pífio em 2011. Fez apenas um discurso na Câmara. Não relatou nenhum projeto. Não apresentou nenhum projeto. Membro da Comissão de Minas e Energia, teve apenas 10,8% de presença. Nas sessões, faltou em 35,5%. É muita mediocridade.

By Coronel 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:24


              A infâmia, infelizmente, tem sido parte da política partidária. 

Eu mesmo, junto com eminentes homens públicos do PSDB, fui vítimas em mais de uma ocasião, a mais notória das quais foi o “Dossiê Cayman”, uma papelada forjada por falsários em Miami para dizer que possuíamos uma conta de centenas de milhões de dólares na referida ilha. Foi preciso que o FBI pusesse na cadeia os malandros que produziram a papelada para que as vozes interessadas em nos desmoralizar se calassem. Ainda nesta semana a imprensa mostrou quem fez a papelada e quem comprou o falso dossiê Cayman para usá-lo em campanhas eleitorais contra os tucanos. Esse foi o primeiro. 

Quem não se lembra, também, do “Dossiê dos Aloprados” e do “Dossiê de Furnas”, desmascarado nestes dias? Na mesma tecla da infâmia, um jornalista indiciado pela Polícia Federal por haver armado outro dossiê contra o candidato do PSDB na campanha de 2010, fabrica agora “acusações”, especialmente, mas não só, contra José Serra. Na audácia de quem já tem experiência em fabricar “documentos” não se peja em atacar familiares, como o genro e a filha do alvo principal, que, sem ter culpa nenhuma no cartório, acabam por sofrer as conseqüências da calúnia organizada, inclusive na sua vida profissional.

 Por estas razões, quero deixar registrado meu protesto e minha solidariedade às vítimas da infâmia e pedir à direção do PSDB, seus líderes, militantes e simpatizantes que reajam com indignação. Chega de assassinatos morais de inocentes. Se dúvidas houver, e nós não temos que se apele à Justiça, nunca à infâmia. 

São Paulo, dezembro de 2011 

Fernando Henrique Cardoso

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:38


O fato ocorreu na noite de ontem, em continuidade a fraca programação em comemoração aos 50 anos de João Lisboa. O prefeito Emiliano e o Deputado Chiquin foram hostilizados pelos desportista da cidade. Tudo aconteceu na noite do dia 22, antes da Final de Futsal realizada na quadra de esportes Nicolau Dino. Ambos estavam insatisfeitos com varias reclamações quando resolveram sair e ouviram uma sonora vai.
A coisa esta feia. Há mais de dois anos que o estádio municipal Cafeteirão está fechado, nunca mais foi realizada sequer uma pelada. Esta sendo um dois piores momentos do esporte joãolisboense.
O deputado ainda saiu fazendo gestos. Já o prefeito disse para um bate pau.
- Eu falei que não vinha e vocês insistiram.  Olha ai o que deu.
O desportista José Aldo, indagou que o prefeito que iludir o povo com pão e circo. “Hoje aniversário da cidade, solto um monte de foguetes, bota os atoas para correrem numa gincana, e a noite uma banda na praça para os palhaços aplaudirem. Para isso não falta dinheiro as coisas mais importantes não tem”.
Essa não é a primeira vez que o prefeito e vaiado em publico. Na abertura do Arraia um junho ele também ao lado do Dep. Chiquin foram vaiados.
Estão  sendo conhecido na cidade como a dupla de vaiados.
Por Arthur Coimbra

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:25




Prefeitura garante R$ 2 milhões para rateio entre professores

Na primeira reunião com a nova Diretoria Diretoria do Sindicato dos Trabalhadores em Estabelecimento de Imperatriz (STEEI) o prefeito Sebastião Madeira aproveitou  para  anunciar que os professores da Rede Municipal vão receber até a virada do ano  o “14 salário” como é chamado o abono,  resultado da sobra de recursos do   Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (FUNDEB).

 A princípio seria uma simples reunião de apresentação da nova diretoria mas ai o prefeito decidiu dar a boa informação aos professores.

Do encontro, da parte do governo, participaram da reunião, além do prefeito o Secretario de Educação Zeziel Ribeiro, o secretário de governo Hudson Alves e o secretario de administração Iramar Cândido.

“Queremos até o final do mês dar aos professores o abono salarial na ordem de 2 milhões e 73 mil reais, resultado do rateio do FUNDEB. Estamos fazendo tudo de acordo com a lei e reunimos a nova direção do STEEI para iniciarmos um bom diálogo e divulgarmos oficialmente que o rateio irá ocorrer. Agora assinamos um termo que oficializa o rateio e entregamos à presidência do STEEI”.
 Wilas, novo presidente do STEEI

Mostrando-se aberto ao diálogo em prol da educação de Imperatriz, Wilas Moraes, presidente do STEEI afirmou que “recebemos o sindicato com diversos problemas e dificuldades, mas estamos aprendendo a lidar com todos eles. Temos o objetivo de manter uma boa relação com a Secretaria de Educação e com a prefeitura para, através do diálogo, representar a categoria que nos elegeu”.

O que é FUNDEB?

O Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) atende toda a educação básica, da creche ao ensino médio. Substituto do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (Fundef), que vigorou de 1997 a 2006, o Fundeb está em vigor desde janeiro de 2007 e se estenderá até 2020.

A estratégia é distribuir os recursos pelo país, levando em consideração o desenvolvimento social e econômico das regiões — a complementação do dinheiro aplicado pela União é direcionada às regiões nas quais o investimento por aluno seja inferior ao valor mínimo fixado para cada ano. Ou seja, o Fundeb tem como principal objetivo promover a redistribuição dos rec

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:50


O Globo Online
O ministro da Educação e pré-candidato à Prefeitura de São Paulo pelo PT, Fernando Haddad, foi vaiado durante um evento com a presença da presidente Dilma Rousseff na manhã desta quinta-feira, em São Paulo. Haddad foi vaiado ao subir no palanque da celebração de Natal com catadores de lixo e moradores de rua, na quadra do Sindicato dos Bancários.
Além de Haddad, estiveram na festa outros ministros do governo Dilma: Alexandre Padilha (Saúde), Gilberto Carvalho (Secretaria-Geral), Aloízio Mercadante (Ciência e Tecnologia), Maria do Rosário (Direito Humanos), Paulo Roberto Pinto (Trabalho) e Teresa Campelo (Desenvolvimento Social).

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:35

Pág. 1/4



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D