Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Cai um mito. Tomar até duas latas de cerveja ao dia não é o suficiente para engordar e ficar com barriguinha saliente. E, para quem exagera na dose, além da ressaca e dos riscos à saúde, o efeito é o ganho de peso, que se distribui pelo corpo. A notícia é destaque na revista “Popular Science Brasil”.

- Quando os homens engordam, o aumento fica concentrado no abdômen. Soma-se a isso o fato de a cerveja fermentar e distender a região abdominal por alguns minutos. Essa junção de elementos criou o mito de que cerveja dá barriga — afirmou endocrinologista Wilmar Accursio à publicação.

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), a quantidade de duas doses de cerveja é considerada segura. Pesquisas recentes apontam que o que define a mesma bebida alcoólica como remédio ou veneno é a dosagem. Além disso, a revista destaca que, segundo estudos, pessoas que consomem grande quantidade de cerveja (mais de duas latas por dia) ganham peso pelo excesso da bebida e não acumulam a gordura necessariamente no abdômen.

- O padrão de acúmulo em determinada região do corpo é mais ligado a fatores genéticos do que a ingestão de bebida - explicou o gastroenterologista Bruno Queiroz para a revista.
Muitas vezes, os verdadeiros vilões são os petiscos que acompanham a cerveja.

- Escolha petiscos mais saudáveis, como mix de castanhas, espetinhos de tofu com legumes, queijo branco, tomate cereja ou kani kama. Pode ser uma boa saída para driblar os salgadinhos gordurosos - indicou a nutricionista clínica e esportiva Myrla Merlo à “Popular Science Brasil”.
Extra.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:09


Desespero total – Por ocasião da Assembleia Nacional Constituinte, que culminou com a Carta Magna de 1988, o então deputado federal Luiz Inácio da Silva deu as costas ao parlamento, alegando lá existirem trezentos picaretas. Por certo Lula, naquele momento, fez também uma autocrítica, que tem sido comprovada ao longo dos anos.
Em cima de um palanque Lula é um animal político, mas quando está acuado é capaz de atos inacreditáveis. Desaparecido desde a deflagração da Operação Porto Seguro, que atingiu a sua mais que protegida Rosemary Nóvoa de Noronha, então chefe de gabinete do escritório da Presidência em São Paulo, Lula entrou em desespero com a possibilidade de a oposição criar, no Congresso, uma CPI para investigar o mais novo escândalo de corrupção da era petista.
Temendo pelo pior, Lula, creiam, está telefonando a líderes da oposição e pedindo um “voto de confiança”, como antecipou o jornalista Claudio Humberto. Esse ato desespero é porque cresce a possibilidade de criação da CPI da Rosemary, o que reduziria Lula a pó, não sem antes revelar à nação e à própria família o seu verdadeiro caráter.
Por ocasião da CPMI dos Correios, a oposição teve a derradeira chance de ejetar Lula do Palácio do Planalto por causa dos pagamentos feitos a Duda Mendonça no exterior. Soberba, a oposição descartou a possibilidade de impeachment, alegando que era preciso manter a governabilidade do País. Na ocasião José Sarney entrou em campo para auxiliar o então presidente, cobrando pelo trabalho, e Lula continuou mais alguns anos a patrocinar e endossar escândalos de todos os naipes.
Caso tropece na mais recente esparrela de Lula, a oposição está assinando um atestado da própria incompetência. Luiz Inácio da Silva é persuasivo e tem um impressionante arquivo de informações sobre os adversários. O negócio é enfrentar as ameaças sem medo e limpar o Brasil.
Com informações do info.ucho

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:00


Apesar das especulações tomarem as redes sociais, agora, nofinal da tarde foi definido a banda que fará a passagem de ano em Imperatriz. 

Sempre optando por bandas de renome nacional e na linha popular Brasileira (MPB)a definição sobre os show feita por alguns pares do governo tem acertado emcheio o desejo popular. Desta vez a banda que fará a grande passagem deesperanças, que são geradas na passagem de um velho para o ano novo será aBanda Roupa Nova.

Roupa Nova é uma banda genuinamente brasileira, formada na décadade 80 e ainda hoje encontra-se como umas das mais ouvidas no Brasil, e com a mesma formação original, composta por Paulinho (voz, percussão e vocal), Serginho Herval (bateria, voz e vocal), Nando (baixo, voz e vocal), Kiko (guitarra, violões e vocal), Cleberson Horsth (teclados e vocal) e Ricardo Feghali (teclados, voz e vocal). (wikpedia)

Seu álbum mais bem sucedidoé o do ano de 1985, que contém vários sucessos, tais como Dona, Seguindo no trem azul, Linda demais, Sonho e Show de rock'n roll. O álbum alcançou a marca de 2,2 milhões dediscos vendidos, alavancando de vez a carreira da banda, que a cada ano vinhase tornando mais popular.

Em 30 anos de carreira, ogrupo já vendeu quase 10 milhões de discos.

Veja o vídeo da banda Roupa Nova, cantando "Meu universo é você":

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:01

A revista "Escola Publica",que tem circulação mensal em todos o território Nacional, deve publicar a reportagem, que apresenta um dos projetos desenvolvidos pelo Municípiode Porto Franco em parceria com o governo Federal. 
O projeto “Olhar Brasil”,que beneficia jovens e adultos, desde que estejam devidamente matriculados nasescolas da rede municipal, também visa atender os idosos do Programa Brasil Alfabetizado para facilitar a aprendizagem e a permanência dos alunos na escola. Diminuindo o analfabetismo; facilitando a inserção no mercado de trabalho formal; a melhoria da qualidade de vida; Desenvolvimento da cidadania e Ascensão Social.
Para Marilene Queiroz, secretária de Educação do município, o projeto que foi implantado em 2011, tem uma meta de realizar 400 atendimentos, até o final de 2014.
A cidade é a única escolhidana região Nordeste do país, e visa mostrar uma experiência de sucesso com oprograma, que já beneficiou mais de 200 pessoas no município.  A revista é editada no Estado do Rio deJaneiro e deverá ser distribuída no mês de Dezembro.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:10


Nesta sexta-feira (30) a Prefeitura Municipal de Imperatriz, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social - SEDES, irá realizar o sorteio de 1920 candidatos às unidades habitacionais do Programa Minha Casa Minha Vida. 

Imagem antiga, da construção ainda em fase de conclusão.
Em geral, foram 13.500 inscritos que estarão concorrendo entre si para serem contemplados com uma residência. O evento está marcado para iniciar as 8 horas da manhã no Estádio Frei Epifânio D'abadia.

As casas já estão todas prontas para serem entregues e fará a alegria de muita gente que ainda não possui seu imóvel próprio  Apesar de serem pagos, o valor é irrisório, portanto, qualquer pessoa pode pagar.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:00


A concessão da exploração dotransporte urbano em Imperatriz foi concedida ainda em 2008, na véspera dasaída do então prefeito Ildon Marques de Sousa, de quebra, ainda foi estipuladoum aumento nas passagens, o único feito até hoje.
ônibus quebrado em João Lisboa
O contrato com o município concedeu o direito de exploração do serviço por 20 anos, para a empresa VBL e para aAparecida. A contra partida da empresa, óbvia por sinal, em função do longoprazo de exploração, seria de manter ônibus com no máximo 10 anosde uso, o que ocorre hoje é totalmente o inverso, para os usuários, pois é possívelencontrar veículos do ano de 94, portanto, mais de 20 anos de uso. A conseqüênciaé o que temos visto na cidade, uma quantidade de veículos totalmentesucateados, mas visivelmente inteiros, em função da maquiagem feita naspinturas.
Mas o problema que acarreta aconstante quebra dos ônibus, fato constantemente visto no centro e nos bairrosda cidade é outra questão; No contrato de prestação de serviços feitos com aSuzano, a empresa VBL, é obrigado a colocar ônibus semi-novos, lavados, commanutenção em dia, inclusive sendo vistoriados diariamente ao entrar no pátioda Suzano.
A conseqüência disso é comprovadanos demais veículos, - estes que ficam a disposição da sociedade, pois osdemais veículos a empresa não conseguem manter o mesmo padrão; Os ônibus estãosujos, com as molas quebradas e sem manutenção, em geral, sendo revisados somentequando definitivamente eles quebram. Acontecimento comum nos dias de hoje, comovemos nas ruas do centro da cidade e nos bairros.
Vereador Alberto Sousa
A empresa não possui condições demanter ou dar assistência aos dois clientes, optando dar condições para ointolerante, neste caso, a Suzano.
O vereador Alberto Sousa usou hoje(29) a tribuna para acender a luz amarela (alerta) mais uma vez e avisou: “Casoessas empresas não se organizem o município buscará os meios jurídicos pararesolver o problema”
É importante colocar as condiçõesque o ex-prefeito fez a concessão para a exploração do transporte, inclusiveautorizado pela maioria dos vereadores que compõe a comissão responsável pelotransporte. A autorização foi feita sem as mínimas condições legais, inclusive comprazo e divulgação do edital, visto que, por debaixo da porta, a exploração doserviço, concedida por 20 anos, serviu exclusivamente para manter uma ajudafinanceira a campanha do ex-prefeito e de alguns vereadores.
Mesmo com tantos problemasapresentados pela empresa, para cumprir o que manda o contrato de prestação deserviços (publico por sinal) ainda será muito difícil ver a interferência do legislativona cobrança da melhoria ou pedindo explicação da empresa através de uma “audiênciapublica”, ocorrência comum quando serve aos interesses dos vereadores.
O que os usuários devem esperar éuma atuação enérgica por parte do executivo, que deve envolver a promotoria publica e exigir um acordo através de um TAC (Temo de ajuste de conduta), somente assim pode haver alguma mudança.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:54


Do blog do Ed Wilson
O presidente da Embratur e pré-candidato a governador do Maranhão, Flavio Dino (PCdoB), concedeu entrevista ao Blogue do Ed Wilson. Pregando a unidade das oposições em uma aliança ampla, Dino propõe um governo participativo voltado para superar os péssimos indicadores sociais. “Chega de ver o Maranhão como campeão de injustiça social”, protestou.
Ele considera a mudança no Maranhão uma tarefa das forças progressistas, democráticas e populares. Colocando-se à “margem esquerda do rio”, Flavio Dino defende um debate autêntico e respeitoso sobre o Maranhão e queixa-se dos ataques da mídia sarneísta.
“Eles não aceitam que eu tenha recusado, e continue a recusar, as tentativas de me comprar ou de me intimidar. Sei que minha coragem e dignidade os incomodam. Mas com a proteção de Deus e a força do nosso povo vamos vencer”, destacou.
VEJA ABAIXO A ENTREVISTA COMPLETA.
Blogue – Qual o significado da vitória de Edivaldo Holanda Junior (PTC) em São Luís?
Flavio Dino – Um novo caminho para a gestão pública em São Luís, que resultará em melhoria da qualidade de vida na nossa cidade. No plano político, a vitória de Edivaldo representa o fortalecimento do campo democrático e popular contra o poder dos coronéis.
Blogue – O sucesso ou fracasso da gestão de Edivaldo Holanda Junior vai impactar na sua candidatura ao governo. Quais as expectativas em relação ao novo prefeito?
Flavio Dino – As melhores possíveis. Ele fará uma administração inovadora, com muitos avanços. Ao fim dos 4 anos, ele será avaliado como um grande prefeito.
Blogue – Além da vitória na capital, como foi o desempenho do seu grupo político nos outros municípios do Maranhão?
Flavio Dino – Trabalhamos em aliança com vários partidos e obtivemos muitas vitórias políticas e eleitorais, enfrentando fraudes, violência e abuso do poder econômico. Estou satisfeito.
Blogue – Sua pré-candidatura já tem um esboço do programa de governo? Quais seriam as diretrizes para alavancar o desenvolvimento do Maranhão?
Flavio Dino – Vamos construir o programa de governo de modo participativo, como sempre fizemos. Naturalmente as diretrizes que apresentamos em 2010 permanecem válidas. Queremos um novo modelo de desenvolvimento para o Maranhão, voltado para superar os péssimos indicadores sociais. Chega de ver o Maranhão como campeão de injustiça social. Além disso, vamos eliminar o coronelismo e o patrimonialismo no comando do aparato público estadual.
Blogue – Você é candidato pelo partido comunista, mas talvez a solução para o Maranhão seja a abertura para o capitalismo produtivo como forma de quebrar o esquema patrimonialista. O que pode surgir dessa contradição?
Flavio Dino – Os investidores privados são importantes para gerar empregos e oportunidades de negócios para as empresas locais. Os empresários não serão mais extorquidos ou chantageados. Não quero ser sócio de ninguém. Quem cumprir as leis, respeitar os direitos humanos e preservar o meio ambiente será muito bem tratado.
Blogue – Há um sentimento de renovação no Maranhão, mas além do aspecto cronológico e dos significados do dicionário, o que sua candidatura representa de novo no cenário político?
Flavio Dino – Mudar o Maranhão de verdade não é tarefa para uma única pessoa. É preciso reunir forças progressistas, democráticas e populares em torno de um programa avançado, com mudanças claras. É isso que estamos fazendo, com coragem e serenidade.
Blogue – Como estão as articulações para a construção da frente de oposição à oligarquia Sarney? Quais partidos serão convidados?
Flavio Dino – Precisamos de uma aliança ampla. Todos que quiserem acabar com a pobreza, as injustiças, a negação de direitos ao povo, estão convidados.
Blogue – Cogita uma aliança com o PSDB?
Flavio Dino – Claro que sim.
Blogue – Qual será o tamanho do ex-governador José Reinaldo Tavares na frente de oposição?
Flavio Dino – O governador Zé Reinaldo é uma grande liderança, teve um papel decisivo para a vitória de Jackson Lago em 2006. Foi o terceiro senador mais votado em 2010. Sua presença foi e é muito importante. Zé Reinaldo e todas as lideranças do PSB, como o companheiro Roberto Rocha, serão muito importantes em 2014.
Blogue – Qual será a tendência predominante na coligação que você está liderando para disputar o governo do Maranhão em 2014: esquerda, centro ou centro-direita?
Flavio Dino – Fiz uma opção de vida clara, desde 1983. Sempre estive na margem esquerda do rio. Quanto à nossa coligação, repito: todos que quiserem acabar com a pobreza, as injustiças, a negação de direitos ao povo, estão convidados.
Blogue – Você é criticado pelas aproximações com figuras públicas como o ex-prefeito de Caxias, Humberto Coutinho, a quem denominou de “co-piloto” na sua candidatura ao governo em 2010. Coutinho estará no palanque de 2014?
Flavio Dino – Espero que sim. Humberto fez dois governos muito bem avaliados em Caxias. Por exemplo, construiu 6.500 casas e dezenas de escolas. Além disso, teve muita determinação em 2010. Ele se manteve firme, quando eu não tinha nem 10% nas pesquisas.
Blogue – Você espera obter o apoio de Lula, Dilma e do PT do Maranhão?
Flavio Dino – Ficarei muito honrado com esses apoios. Espero que aconteçam. Tenho certeza de que esse é o desejo da imensa maioria dos petistas, em todo o país e no Maranhão. Lembro que vencemos a convenção estadual do PT em 2010. E, por decisão da presidenta Dilma, faço parte do seu governo.
Blogue – A deputada estadual Eliziane Gama (PPS) pretende liderar uma terceira via, colocada como alternativa aos grupos liderados por você e pelo senador José Sarney (PMDB). Como analisa esse movimento?
Flavio Dino – Eliziane é uma amiga muito querida, admiro seu mandato parlamentar. Desejo que ela esteja conosco em 2014. Mas se outra for a opção dela, respeito democraticamente.
Blogue – Qual será o melhor adversário na eleição para o governo em 2014: o ministro das Minas e Energia Edison Lobão ou o chefe da Casa Civil Luís Fernando Silva?
Flavio Dino – Esse é um assunto interno da oligarquia Sarney. Creio que nesse momento em que há uma disputa no grupo deles, devemos aguardar respeitosamente.
Blogue – Qual o maior desafio para mudar o Maranhão?
Flavio Dino – Enfrentar as baixarias de quem não quer um debate político autêntico e respeitoso. Todos os dias a máquina de propaganda da oligarquia Sarney mente e me agride. Eles não aceitam que eu tenha recusado, e continue a recusar, as tentativas de me comprar ou de me intimidar. Sei que minha coragem e dignidade os incomodam. Mas com a proteção de Deus e a força do nosso povo vamos vencer.
Blogue – Você pretende solicitar observadores nacionais para acompanhar o processo eleitoral de 2014?
Flavio Dino – Nunca pensei nisso. Vamos analisar no tempo próprio.
Blogue – Na condição de executivo do turismo (presidente da Embratur), como você avalia as súbitas mudanças sobre poluição e despoluição nas praias de São Luís?
Flavio Dino – Falta transparência nesse e em outros temas administrativos. Isso é um grave erro. Sem um sistema respeitado de mensuração da qualidade das praias, não se consegue convencer ninguém e ainda se expõe a saúde da população a riscos. Espero que o governo do estado mude a sua conduta.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:40


A regularização fundiáriade Imperatriz é um projeto de campanha que, sem duvidas, contribuiu para areeleição história do prefeito Madeira.

Daniel Sousa (ouvidor), Gilson Ramalho (procurador), Lula Almeida (secretário de governo)
Força Tarefa do governo Madeira já planejam regularização fundiária da Cafeteira.

Sem esperar “os patospassar”, como diz o lendário apresentador de uma TVzinha local, (que não consegueformular uma frase sem contar uma lorota popular), Sebastião Madeira coloca emprática o projeto mesmo antes de terminar o ano e começar o novo mandato.

O objetivo é criar noinicio do ano a nova Secretaria, que cuidará especificamente da causa, como o próprioprefeito frisou: “Nos próximos quatro faremos o possível e o impossível para regularizartodos os imóveis de Imperatriz.”

Madeira sabe da importânciadeste documento de propriedade, por isso, não hesitou em entrar na briga, eentregar de vez o direito de muitos moradores que já aguardavam ansiosos por tal beneficio.

O primeiro bairro a serbeneficiado será a Vila Cafeteira, um dos mais antigos da cidade, quecomeçou ainda como invasão, a informação é do secretário Municipal de governoLula Almeida, e ainda contará com a presença do procurador do município GilsonRamalho e do Ouvidor Geral Daniel Sousa, este ultimo, segundo informações,poderá ser o secretário de Regularização Fundiária, uma pasta a ser criada.

O trabalho será intensopara a finalização de todo esse processo, o que deve ser planejado e executadopor uma força tarefa, em conjunto com alguns órgãos estaduais e inclusiveo Incra, que deverá apresentar estudo técnico para a regularização.

Segundo levantamentoprévio, os lotes urbanos chegam a 1380, somente na Vila Cafeteira/Imperatriz.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:20

Do blog Direto da Aldeia (fred)
Acusado de participar do sequestro de Braz Cabrino posta fotos de uma das celas
da Delegacia Regional de Imperatriz-MA. Veja o perfil de Ronaldo Batista no Face
Redação

Imperatriz (MA) - O Jornal da Difusora, exibido no Canal 7, em Imperatriz-MA, mostrou na edição desta quarta-feira, 28, o perfil do Facebook de Ronaldo Batista, acusado de participar do sequestro seguido de assassinato do empresário Braz Josias Cabrini.

Relembre o Caso Cabrini

Na rede do Mark Zuckerberg, Ronaldo Batista é Ronaldo Kanab. Mas, uma amiga sua, Andressa Costa entrega o jogo:

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:28

Por Carlos Lee

A ética na politica imperatrizense e o retrato freudiano nos meios de comunicação.

O filósofo Aristóteles foi o principal estudioso da ética desde mundo antigo. Para ele existiria uma “ética do bem” vivida pelos interesses da pólis acerca da vida em sociedade. E as virtudes consistem em se ter a justa medida entre a falta e o excesso das paixões, sendo os extremos entendidos como vícios. Exemplo: diante do medo, a coragem é o justo meio entre a temeridade e a covardia. 


Resulta da ética a base da politica aristotélica ou trocando em miúdos: viver em sociedade requer equilíbrio na ação prática. 

Foi preciso mais de dois séculos depois para que alguém questionasse a “ética do bem “ ao trazer o elemento psicanalítico do inconsciente para “além do bem e do mal” colocando assim a "ética do bem" subjugada a uma “ética do desejo”. 

Para Sigmund Freud, o inconsciente humano seria uma terra de ninguém, onde conteúdos recalcados quase inacessíveis convivem com dinâmicas e mecanismos próprios. Ali no inconsciente não haveria contradição, nem localização espaço temporal. Nossos desejos primitivos e o chamado “principio do prazer-desprazer” redefinem e negam a capacidade de unidade dos sujeitos. 

Nossa felicidade desta forma só poderia estar ligada a um “sentimento de falta”, na minha humilde avaliação lutando contra o mundo real em sociedade que tenta em vão sobrepujar a busca do prazer individual. Somente no equilíbrio entre as duas forças garantiria um bem estar geral.

Temos um interessante paralelo aqui com a politica imperatrizense e a ligação real desta politica aos meios de comunicação da cidade. Explico por que: Não adianta pedir ética na politica em Imperatriz. O chamado “principio do prazer” é o que vem verdadeiramente se sobrepujando aos interesses da coletividade e daí surge este sentimento do salve-se quem puder que vemos hoje em dia. 

Não é só o péssimo serviço do transporte público ou mesmo o apresentador inescrupuloso de TV que ataca a gestão liberal do prefeito. É também a incapacidade do nosso povo em se articular e se mobilizar em rede para garantir a “ética do bem” para a cidade. Ora o “principio do prazer” vence. Mas chega o momento que “ética do bem” prevalece. É tudo uma questão de História e ela não para.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:14

No afã de receber vultosa quantia atribuída a serviços supostamente prestados ao Município de Imperatriz o dono da TV CAPITAL, Conor Farias, há semanas vem atacando o prefeito de Imperatriz e seus principais auxiliares.

Nos últimos dias, a tentativa de linchamento moral recaiu sobre uma das figuras mais importantes e emblemáticas do governo municipal, o Procurador Geral do Município, Dr. Gilson Ramalho de Lima, pessoa íntegra, de conduta retilínea, que se consolidou na advocacia com talento e trabalho.

Chantageador costumaz...
Todavia, os impropérios levianos, que tentam macular a honra e a imagem do respeitado advogado e homem público encontram-se obstados por força de decisão da Justiça.

Conor Farias não poderá mais atacar o Procurador Geral do Município quer em novo programa quer em reprise de programa detrativo já exibido.

Na liminar, o juiz do feito, Marcos Antonio Oliveira, informa que a Lei Civil pátria prevê, nesses casos, a cessação da agressão moral, hipótese jurídica que, no entender o magistrado, guarda simetria com o mandamento constitucional protetivo da honra e da imagem, nos termos do art. 5º, X, da novel Carta Republicana.

Chantageador contumaz de personalidades públicas, políticas e empresariais, Conor Farias, que usa uma concessão de TV para conflagração de seu desiderato, também responderá, nos próximos dias, a 5 processos criminais, por calúnia e difamação, sem prejuízo de ações indenizatórias que colocam no pólo passivo, além do autor das agressões e sua empresa, a emissora “cabeça de rede”, a Rede TV.

Conor Farias, como se sabe, é réu em processo criminal que o condenou por exploração de vulnerável, depois de ter financiado, com cachaça e irrisória quantia, coreografia erótica de uma pobre adolescente, obrigada, pelas circunstâncias, a dançar na “boquinha da garrafa”, seminua, numa mesa de bar da movimentada Beira-Rio.

Durante a campanha eleitoral, Conor Farias, ignorou a Justiça e o Ministério Público, utilizando o espaço midiático ora fazendo apologia à candidatura da derrotada Rosângela Curado, ora atacando, através de factóides, a vitoriosa campanha do então candidato a reeleição, Sebastião Madeira.

Foi Conor Farias que cedeu espaço a conhecido safardana que insinuou que juízes eleitorais de Imperatriz haviam sido corrompidos para favorecer uma candidatura a prefeito. Tudo dito, repetido, reprisado e ponto final. O dito ficou como o não dito. Incrível, não! 

Mais recentemente, quando do processo eleitoral para a Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil em Imperatriz, o mesmo sujeito usou e abusou da concessão pública para detratar advogados vinculados ao candidato Malaquias Neves, ganhador do pleito.
O modus operandi da chantagem comumente praticada por Conor Farias é conhecida de todos, inclusive das autoridades, e consiste em atacar e/ou defender para auferir dividendos financeiros e econômicos. Se se paga, ele elogia e defende. Se se não paga, ele ataca, o fazendo com comentários maldosos, sempre chulo, calunioso e difamatório.
Sebastião Madeira, vítima de virulenta e sistemática campanha difamatória, tem dito que não cederá a chantagem “mesmo que os céus desabem”.
Veja, na íntegra, a decisão liminar que cessa a chantagem moral:




PROCESSO: 010.2012.063.259-0
PROMOVENTE: GILSON RAMALHO DE LIMA
PROMOVIDOS (AS): SISTEMA TUCANUS DE RÁDIO E TELEVISÃO LTDA, CONOR PIRES DE FARIAS, REDETV


DECISÃO

O promovente move a presente demanda contra os promovidos alegando que sofrera ofensas a sua honra e imagem em razão de programa televiso apresentado pelo segundo promovente que se utilizou da emissora primeira promovente, que por sua vez é afiliada da terceira promovente.
Alega ainda que  o conteúdo da exibição ofendeu os seus direitos de personalidade, a sua honra e imagem, trazendo notícia inverídica acerca de apropriação indébita de valores que seu cliente deveria receber em processo judicial.
A inicial veio instruída com a documentação necessária.
Sobre o pedido de liminar o Fórum Permanente de Coordenadores dos Juizados Cíveis e Criminais já firmou entendimento de que:
"Enunciado 26. São cabíveis a tutela acautelatória e antecipatória nos Juizados Especiais Cíveis, em caráter excepcional."
  De fato, vislumbram-se presentes os requisitos específicos e cumulativos da medida acautelatória, quais sejam o fumus boni iuris e o periculum in mora, haja vista que a Constituição da República, em seu artigo 5º, inciso X, assegura que são invioláveis a intimidade, a vida privada, a honra e a imagem das pessoas.
Nesse sentido, o Código Civil assegura a ação para a cessação da lesão a direito da personalidade. Vejamos:
Art. 12. Pode-se exigir que cesse a ameaça, ou a lesão, a direito da personalidade, e reclamar perdas e danos, sem prejuízo de outras sanções previstas em lei.
A matéria publicada no site do promovido é ofensiva na medida em que afirma que os promoventes praticaram o crime de apropriação indébita.
É sabido que a Constituição da República prevê o princípio da presunção da inocência. Portanto, ninguém será considerado culpado antes do trânsito em julgado da sentença penal.
Ademais, a liberdade de expressão e de imprensa, protegidos constitucionalmente, não direitos absolutas, devendo ser exercidos respeitando os demais princípios constitucionais.
Por outro lado, o perigo da demora está caracterizado, uma vez que o conteúdo da matéria ultrapassou os limites jornalísticos, ampliando os danos resultantes, pois atinge a honra e a imagem do promovente.
ANTE O EXPOSTO, com fundamento no disposto nos Artigos 5º, inciso X, da Constituição da República, 12 do Código Civil, e 798 do Código de Processo Civil, defiro medida acautelatória e determino:
a) que a Primeira Requerida TV Capital, e o Segundo Demandado Conor Farias, SE ABSTENHAM DE REPRISAR o programa denominado IMPERATRIZ 24 HORAS, exibido no dia 16/11/2012, quer integralmente, quer em parte, sob pena de multa diária no valor a ser fixado por esse Juízo, sem prejuízo das penas decorrentes de crime de desobediência.
b) Que os promovidos se abstenham de utilizar o seu espaço televisivo para imputar ao Autor as mesmas imputações de conteúdo calunioso e difamatório lançadas no referido Programa IMPERATRIZ 24 HORAS exibido no dia 16/11/2012, sob pena de multa diária de R$ 1.000,00 (mil reais), em caso de descumprimento da presente ordem.
CITEM-SE os Promovidos para, querendo, apresentarem defesa, ficando cientes de comparecerem à audiência a ser agendada pela Secretaria desse Juizado, na qual poderão oferecer defesa, se quiser, e advertidos de que a ausência importará nos efeitos da confissão e revelia, com julgamento imediato da causa (Artigos 20, 23 e 30 da Lei n° 9.099/1995).

Imperatriz/MA, 23 de novembro de 2012.

Juiz MARCOS ANTONIO OLIVEIRA
Titular do 1º Juizado Especial Cível

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:11

Deputados e vereadores maranhenses devemser afastados dos cargos

Cléber Verde e Edson Araújo podem ser cassados
 A Procuradoria da República no Maranhão(PR-MA) investiga milhares de fraudes aplicadas no programa do Governo Federal,que garante aos pescadores do Estado o seguro-defeso. O número deirregularidades é referente aos inquéritos abertos somente entre o período dejaneiro de 2010 e maio de 2012.

 Alémdos casos que ainda estão sendo investigados, mais de 50 ações judiciais jáestão em trâmite. Entre elas estão casos de recebimento indevido do dinheiro,filiação de falsos pescadores por colônias, vantagem ilícita e estelionato.

 Oseguro-defeso é um seguro desemprego garantido por lei para auxiliar o pescadorcom um salário mínimo, durante o período de reprodução das espécies. OInstituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Renováveis (Ibama) é o responsávelpela medida, que visa proteger os peixes e garantir a sobrevivência dospescadores.

 A“máfia do seguro-defeso” conseguiu eleger políticos no Maranhão, a exemplo dosdeputados estadual e federal Edson Araújo e Cleber Verde e vereadores pelointerior do estado, como é o caso do município de Raposa, que elegeu osvereadores Lídia da Colônia e Pierre da Pesca, do PMDB, na maior ação de comprade votos do município, usando o seguro defeso e quitações irregulares dasmensalidades dos colonizados. Todos estão sendo investigados e podem perder oscargos a qualquer momento.
Pierre e Lidia, vereadores eleitos em 2012,
 também estão na mira do MPF

A situação é ainda pior do que seimaginava, além do uso indevido do seguro-defeso e das quitações fraudulentasdas mensalidades das colônias de pescadores, existem também falsos pescadorescolonizados de maneira criminosa para obtenção de aposentadorias que sangramainda mais os cofres públicos.   Entre osfalsos pescadores estariam funcionários públicos, comerciantes e outrosprestadores de serviços autônomos.

 OMinistério Público Federal (MPF) estimou, no ano passado, que, a cada doisseguros-desemprego concedidos a pescadores, um estaria sendo pago de formailegal. Em todo o Brasil, isso representa cerca de R$ 500 milhões pagos todoano pelo governo a quem não tem direito. No Maranhão, várias pessoas sãoinvestigadas por facilitar a obtenção do benefício.

Na tentativa de acabar com as fraudes naconcessão do seguro desemprego, identificadas em todo país no ano passado, aministra da Pesca e Aquicultura, anunciou no dia 25 de janeiro, novas regraspara o cadastramento de pescadores artesanais no Registro Geral da Pesca (RGP)e para a concessão de carteiras de pescador profissional.

A renovação da carteira de pescador, queera feita a cada três anos, passa agora a ser feita a cada dois anos. O direitoao Seguro, no entanto, depende ainda de uma série de exigências do Ministériodo Trabalho. Mas a exigência da nota de venda de pescado – que pode ser notafiscal ou recibo – passa a ser um dos pré-requisitos para renovação dacarteira.

Essas notas serão exigidas nas vendaspara pessoas jurídicas. Quando o pescador comercializar sua produçãoexclusivamente no varejo, deverá apresentar a contribuição previdenciária.Também será necessária uma declaração do interessado de que não possui vínculoempregatício em outra atividade profissional.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:46


É possível entender o que tem ocorrido com alguns meios de comunicação, quantoa seu descrédito perante a sociedade, nos “ditos programas locais ou regionais”ou retransmissoras (responsável pela retransmissão da tv nacional), que namaioria das vezes nem se quer respeita a programação nacional ou o acordo dereprodução, que restringem a retransmissora que cubra algumas programações, separarmos para avaliar o nível de informação e qualidade de conteúdo usadonesses programinhas.
Realmente, é muito ruim esse cara...

 Mas o problema maior enfrentado por estes "programas"locais está relacionado ao crescimento da mídia alternativa, como sites, mídiassociais ou sites de relacionamentos - como grupos - (veja aqui no facebook),que passaram a ocupar o principal meio de debate para os temas locais,principalmente por constatar, sem muito esforço, a péssima qualidade de opiniãoou informação vinda da tv, que distribui - achando que tem alguma credibilidade-, uma informação “xula” e desacreditada.

Alémda falta de conteúdo, a péssima qualidade na produção, falta de educação(apresentador que atende o celular no meio da entrevista), completa bagunça naapresentação e ainda a ausência de edição na programação, tornando o quedeveria ser um programa, uma verdadeira zona midiática.

Em pesquisarealizada durante a campanha para prefeito, para constatar o nível deinfluencia que um programa local poderia ter perante a sociedade, foidescoberto que, menos de 1% da população acreditava ou assistia ao programa.

o resultado foi oesperado, para quem usou e abusou deste mesmo canal.


Exatamenteneste espaço que as mídias alternativas vêm crescendo perante a maior invençãojá registrada na história da humanidade, a tv, quando ela não apresenta omínimo de qualidade. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:03



Sem quórum, a câmara municipal continua sem sessão nos 3 dias da semana que deveria ocorrer.

Muitas pessoas tem ido aos dias de sessão a câmara municipal,mas não tem visto ocorrer às reuniões que deveriam ser comum, pelos menos em períodos emque os legisladores ainda não estariam gozando de férias.

Câmara sem sessões por falta de vereadores
Para alguns vereadores que não conseguiram sua reeleição, “Nãoteria mais sentido marcar presença nas audiências”, revelou um assessor que seguiu a sugestão - e como o vereador -,   não está mais dando expediente.

Para os vereadores eleitos pela primeira vez ao legislativomirim, as sessões seriam uma forma para observar como se deve comportar em plenária,nos debates e nas demais questões da casa, o que se tornoupraticamente impossível após a eleição, pois os vereadores não participam mais dassessões, que acabam não ocorrendo por falta de quorum, retrucou um dos eleitos.

Alguns vereadores não deixaram de realizar seu papel, e são vistos cumprindo normalmente suas funções, como o vereador Roma e Edmilson Sanches, os demais sãovistos esporadicamente, e outros, de forma nenhuma, inclusive estando com seusgabinetes fechados.

É bom lembrar que os vereadores gozam de férias, de acordocom a CLT, quer dizer, igual a todos os trabalhadores, de 11 em 11 meses, sendoo 12° de férias. Na câmara, não existe sessão no mês de janeiro e nos outros, só trabalham 12 dias em cada mês, quer dizer, três vezes por semana e mesmo assim abusam da ausência, inclusive o próprio presidente da casa, o vereador Hamilton Miranda. 

Se gozam de férias de acordo com a CLT, deveriam também justificar sua faltas, sob pena de ser descontados de seus vencimentos o período da ausência, ou falta no local de trabalho. No caso de um trabalhador, após a ausência não justificada, o empregador publica em um jornal de circulação solicitando seu retorno ao local de trabalho, mas não ocorrendo o comparecimento o trabalhador -  comum é claro -, ele é demitido.

Se as normas são as mesmas, por que então a aplicação é feita, para alguns, com as devidas regalias?

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:52



A Representação que chega aoInquérito instaurado na Polícia Federal, que aponta os rumos da investigação,detalha o endereço e os empreendimentos que encontram-se instalados efuncionando em pelo menos 21 imóveis, os quais rendem, só de aluguel, umaconsiderável fortuna ao sonegador, um conhecido dono de uma emissora de TV deImperatriz. Tudo não declarado no imposto de renda.


Entre os diversos tipos deempreendimentos se destacam uma suntuosa loja de móveis de Luxo (Criare), ogranfino restaurante da Praça da Cultura (Ritz), a empresa de publicidade queexplora a conta de mídia da Prefeitura de Imperatriz (Open Door), uma famosapizzaria (Pizzaria Califórnia), a empresa de eventos e buffet (El Shaddai) e asbadaladíssimas casas noturnas da Rua 15 de Novembro e Beira (Armazém Devassa,Convento e Fly Back).


Há, também, na relação o antológicoclube de veraneio (Balneário Estância do Recreio), o finado “BIC”, e umbelíssimo campo de futebol society(Centro de Treinamento Salgado Filho) nas imediações da TV e Rádio Nativa.


Para garantir a completa elucidaçãodo astuto engenho de fraude, todos os inquilinos serão ouvidos na investigaçãobem como serão processados, certamente, os cruzamentos de dados de pagamentos,transferências bancárias e créditos de qualquer natureza resultado detransações comerciais praticadas na triangulação criminosa que envolve opróprio sonegador, laranjas e prepostos do esquema, dentre outros.

Os bens imóveis, os móveis, osaluguéis, os serviços e toda a dinheirama auferida pelo falso paladino daimprensa passam ao largo de IR (IMPOSTO DE RENDA), ITBI (IMPOSTO SOBRE ATRANSMISSÃO DE BENS IMÓVEIS), ISS (IMPOSTO SOBRE SERVIÇOS), ICMS (IMPOSTO SOBRE CIRCULA ÇÃO DE MERCADORIAS E SERVIÇOS), IPTU(IMPOSTO PREDIAL E TERRIORIAL URBANO), alvarás e recolhimento de taxas.


Imagem ilustrativa
Para operar a mega fraude odesafiante sonegador usa laranjas, empresas fantasmas, notas fiscais frias,CPF, CNPJ e identidade de pessoas físicas e jurídicas cuja renda éinsuficiente, por exemplo, para comprar e/ou custear um “carrinho de panelada”nas Quatro Bocas.


O bandido, que frauda o eráriopúblico, que zomba das autoridades e que explora irregularmente uma concessãopública de televisão, exacerbando todos os desvios de conduta humana edelitiva, e que sempre, nas horas de aperto, se socorreu de gente poderosa dapolítica maranhense, encontra-se em apuros.


Nas próximas horas, mais informaçõesdo IPL, com a revelação de fatos surpreendentes...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:53

Pág. 1/4





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D